segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

É BBB... e não muda nunca!



O Big Brother Brasil, mais conhecido como BBB chegou a 11ª edição e pra quem esperava alguma novidade "pode tirar o cavalinho da chuva", é aquilo mesmo e não muda nunca!Essa novelinha "baseada em fatos reais" bem que tenta inovar, mostrar que está trazendo à tona as ditas minorias e escancarando preconceitos arraigados em nossa sociedade, mas no final das contas acaba no mesmo.

É notório que, tanto a identidade quanto a diferença tem sido tratada no programa muito mais como algo exótico e não problematizada junto aos telespectadores de modo que contribua ou leve a reflexão dos pré-conceitos que nós sociedade ainda temos seja dos homossexuais, travestis, transexuais, pessoas negras, mulheres... reconheço que estou esperando demais, mas!!!!! É prova de líder pra cá, prova de anjo para lá (pobres anjos, seres celestiais!!!!), agora até sabotadores. Mamães e papais, cuidado com o que assistem seus filhos!!!!!

Diriam os mais "sabidos": "Eu quero apenas entretenimento, dar risada, afinal é período de férias!" Pois bem, a transexual Ariadna foi a escolhida nesta edição, não se fala em outra coisa nas ruas: "A primeira eliminada do BBB foi a transexual, você viu?!" Até o Fantástico aproveitou o ensejo e exibiu recentemente uma reportagem sobre a vida dos transexuais a partir do cotidiano de Ariadna, a luta pelo reconhecimento da identidade dessas pessoas. No entanto, se observarmos, será que durante o programa realmente essas pessoas são trazidas à cena a fim de evidenciar suas dificuldades de inserção e reconhecimento da sua identidade/diferença? Só lembro de Dicésar, travesti que participou da última edição. Quando se disponibilizava as roupas e maquiagem para a sua transformação nas festas, o que era exposto figurava muito mais no âmbito do espetaculoso.

Não seria hipócrita ao ponto de dizer que nunca assisti ao programa, reconheço que perdi meu precioso tempo. Aliás, não perdi não... como nos conformamos com tão pouco? Pessoas não são peças de um jogo, são pessoas! Brincar com abraços, sentimentos, num jogo onde quem vence é aquele que "tem as melhores cartas escondidas embaixo da manga"... melhor não, poupemo-nos disso... por que não um filme, curiosidades na internet, aposto que tem outras opções, Bial já tem a vida dele ganha!


Um comentário:

  1. Eu estava recentemente pensando sobre o BBB, eu não sei se esse pensamento já foi escutado por vcs, enfim,eu acho o BBB como uma grande experiência de laboratório.Eu já estudei em biologia, cientista que utilizam ratos numa gaiola, onde é fato, que se tiver comida e algo para distrair esses ratos(para aliviar o stress, como nas festinhas do BBB), os mesmos irão se procriar, esse BBB pelo que vejo nos flesh, nos comerciais da globo, tá sendo uma putaria da porra, agarração, casais etc., mas Diane foi feliz no que escreveu, sempre é a mesma coisa.HERG!!!!...deu enjoo agora.

    ResponderExcluir